terça-feira, 23 de setembro de 2014

Notas do Cotidiano - Minha mesa de trabalho

Todos sabem (caso contrário, saberão agora) que eu não sou a pessoa mais organizada do mundo. Não sou um desleixado completo, mas confesso que deveria seguir mais os conselhos da Renata com relação a isso. Ela vive me mostrando textos e blogs sobre organização, tentando fazer com que eu adquira hábitos mais produtivos. Melhorei bastante, mas ainda estou longe da Thais Godinho.

Olha que beleza...
Pois bem, o escritório aqui de casa é onde eu passo a maior parte do tempo quando não estou fora. É onde eu trabalho, estudo, desenho, mato uns zumbis de vez em quando. É daqui que estou escrevendo esse post. E eu simplesmente não consigo manter a minha mesa de trabalho organizada por muito tempo. De vez em quando dou uma geral nela, mas quando vejo já está tudo bagunçado de novo.


Tem bloco de anotações, rascunhos, copo, canecas, canetas, fone, papeis, hds e fios, muitos fios. E vocês acham que é do tipo bagunça organizada? Nah, quem dera. Já perdi as contas de quantas contas eu perdi no meio desse furdunço. E também pendrives, réguas, cortadores de unha, dinheiro... Isso sem falar nas miniaturas das prateleiras, que, voltimeia, fazem incursões nesse ambiente inóspito.

Não sou só eu que desarrumo!
A Renata diz que eu deveria fazer pequenas arrumações diárias em vez de uma grande arrumação por mês. Enquanto isso não acontece, vou empurrando umas coisas pro lado pra abrir espaço pra outras. E a sua mesa? Ela é tão desorganizada quanto a minha? O que você faz pra arrumá-la? Dá umas dicas aí, tio!