quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Fazendo as Malas - Tour por SP Parte 13 - Fábrica da Nestlé e Sítio do Pica Pau Amarelo

Confira antes a parte 1, a parte 2, a parte 3, a parte 4, a parte 5, a parte 6, a parte 7, a parte 8, a parte 9, a parte 10, a parte 11 e a parte 12!

Nos despedimos da capital cedinho e fomos correndo para Caçapava, onde fica a fábrica de chocolates da Nestlé. Como já conhecíamos a da Garoto, estávamos bem ansiosos para fazer a comparação.


Infelizmente não é permitido tirar fotos lá dentro, mas eu vou tentar contar mais ou menos como funciona. Primeiro é muito importante fazer a reserva pelo site com muita antecedência. Se não me engano, as datas abrem uma vez por mês e rapidamente lotam, provavelmente devido às excursões de colégio. Em teoria, escolas e instituições visitam o local em outro dia da semana, mas no nosso grupo mesmo havia uma turminha pequena.

Quando chegamos lá fomos direto pagar os R$10 do ingresso e ficamos aguardando começar o tour chocolover. Sentamos em banquinhos que simulam barras de chocolate (muito fofos!) e assistimos a um video introdutório.

Depois nosso guia vai andando pelas instalações da indústria, contanto um pouquinho de cada etapa do processo. Existe toda uma infra estrutura durante o trajeto ele faz perguntas e as respostas corretas ao longo da visita ainda rendem barras de chocolate no final!

Mas se você é mais tímido, não precisa ficar triste: todo mundo ganha um saquinho de bombons! E, para quem quiser, ainda tem a possibilidade de comprar chocolate na lojinha. O preço é semelhante ao de um supermercado e nós acabamos sem comprar nada (para ser sincera eu comprei um brigadeiro que eles estavam vendendo para ajudar uma instituição de caridade, mas ele era bem ruinzinho).

Mas como chocolate não enche a pança, nós começamos a ficar com fome e botamos novamente o pé na estrada, indo até Taubaté. Resolvemos almoçar no Mercato Quiririm, uma espécie de 'praça de alimentação' italiana. São vários restaurantes e nós optamos por um que ficava bem no meio e tinha toalha xadrez (não era vermelha ou verde, mas serviu!). Como manda a tradição, o serviço foi bem lento, mas a comida (e o suco de uva) estava deliciosa!

A fome era grande, a comida gostosa e só deu para fotografar o prato vazio mesmo!
Com a tarde livre, resolvemos conhecer a principal atração da cidade: o Sítio do Pica Pau Amarelo! E demos sorte pois era dia de festa junina! Várias barraquinhas e bandeirinhas, os personagens circulando, as crianças brincando...


Caminhamos pelo local, conhecemos o Museu Monteiro Lobato, que fica lá dentro e fomos embora. O lugar é bem agradável, mas voltado realmente para as crianças e em menos de 1 hora já estávamos a caminho do hotel.


Barraquinhas e mais barraquinhas com quitutes e brinquedos do sítio!